terça-feira, 30 de junho de 2009

a beleza de ser como você

E depois ao me olhar no espelho, meu cabelo não é o mesmo, meu nariz mudou, um peito aumentou e minha barriga diminuiu. E eu penso: “essa sou eu? Essa sou mesmo eu?”.
Claro que por dentro sou a mesma. Ainda tenho a mesma voz e o mesmo tique-nervoso. Mas isso eu concerto com a ajuda de algum especialista.
Mas por dentro não mudei nada. Ainda tenho medo do escuro, ainda tenho um gato e um hamster, ainda sou eu sim. Mas no espelho uma estranha olha pra mim.
Ela tem 10 quilos a menos e 150 mililitros de silicone a mais. Mas porque me sinto a mesma? Mudei tanto e não mudei nada...
-é você mesma? – me pergunta um amigo
-sou eu!
-claro que é você! Só você sorri desse jeito.
Quê? Então eu não sou meu peito? Minha cintura? Meu nariz?
EU SOU O MEU SORRISO?

Eu até consertei meu tique nervoso. Mas não mudei meu sorriso. Não mudei meus medos. Não mudei de apartamento. Sinto que jamais vou poder ser outra pessoa. Por fora tenho as medidas da Miss Brasil, mas por dentro sou a mesma...
É isso que somos? Nós mesmos? Então pra que mudar de rosto? Pra que mudar de corpo? Acho que essa é a verdadeira beleza. A beleza de ser único, a beleza de ser igual a você, essa beleza é inimitável...


ass: Karine Lima

2 comentários:

De tudo um pouco disse...

eh verdade...
naum precisa mudar...;)

Karina D'Carla disse...

Mudar a cabeça... O segredo ta na cabeça... E se não formos felizes por dentro, fica dificil se harmonizar com o que esta fora. Mesmo que por fora sejamos lindas de morrer. Seremos infelizes da mesma forma. A beleza interior (este parece um conceito ultrapassado) vai transbordar por nosso sorriso, e seremos mais bonitas do que as LINDAS. Por que a felicidade sera nossa amiga.
ps.: sim, a felicidade pode ser amiga das "feias"...