sexta-feira, 3 de julho de 2009

Nóis Capota mais num breca!

Eu sei bem que em um texto de opinião eu deveria comentar essa frase, dizer o que ela significa para mim, e o que eu acho disso tudo. Mas desculpa não é bem isso que acontece nesse texto que estou escrevendo.
Essa frase para mim pode ser ambígua. Afinal, "nóis capota mais num breca" é uma filosofia de vida! Sério! Aproveitar a vida! Você se dá mal, mas vive a sua vida muito bem obrigada...
No entanto ao mesmo tempo em que isso pode significar a liberdade, isso pode significar correr riscos. O que será que leva uma pessoa a "capotar, mas não brecar", ou seja, se dar mal, mas não parar de maneira nenhuma? A vontade de correr riscos, de mostrar que não tem medo?
As pessoas têm muito disso, querer mostrar que não tem medo. Mas é humano ter medo, todo mundo tem medo. Tentamos amenizar os medos de alguma forma: alguns se apegam à religião, outros à filosofia, e outros passam a arriscar a sua vida.
Mas eu digo: cuidado! Você pode se arrepender depois... Viva como se fosse o ultimo dia, mas se mantenha inteiro para o caso de não ser...
Enfim? Essa "filosofia" é boa ou ruim? Não sei dizer...

6 comentários:

Nathaly disse...

Porra,tu é mara!

karina d'carla disse...

Se conseguissemos enxergar o estreito caminho por onde andamos, certamente respeitariamos um principio chamado LIMITE. Todos temos limites e, muitos de nós, no entanto, ignoram os seus. E, conscientemente, ultrapassam as "faixas amarelas" que as protegem do abismo. "Capotar mas não brecar" significa ignorar os avisos da estrada chamada VIDA.

Luciano C. disse...

Quebrou ou brecou? ;)

meus instantes e momentos disse...

gostei daqui, muito bom teu blog.
maurizio

De tudo um pouco disse...

é o tipo da coisa nois se fode mais se diverte ;)

Marcelomelo disse...

é tão bonitinho vc escrevendo!!! olhe o medo dá origem a o mal viva apenas!!!bjos pra ti